Director
José Alberto Soares Coordenação Manuel Moreira Director Comercial
Miguel Ingenerf Afonso Assistente Comercial
Sandra Morais Directora de Marketing
Ana Branquinho Director de Produção
João Carvalho Director de Produção Gráfica
José Manuel Soares Director de Multimédia
Luís Soares Copy Desk
Sérgio Batista Fotografia
Ricardo Gaudêncio (Editor)
Jorge Correia Luís
José Madureira
Revisão Ciêntifica
JAS Farma®

Medicina e Saúde<sup>®</sup> 132 / Outubro de 2008 Saúde Pública<sup>®</sup> 73 / Outubro de 2008
Mundo Médico<sup>®</sup> 59 / Julho de 2008 Edições Especiais Saúde Pública<sup>®</sup> 1 / Maio de 2007
Edições especiais Mundo Médico<sup>®</sup> 95 / Junho de 2008 Informação SIDA<sup>®</sup> 70 / Setembro de 2008
Mundo Farmacêutico<sup>®</sup> 36 / Setembro de 2008 Jornal Pré-Congresso 1 / Setembro de 2008
Jornal do Congresso 51 / Outubro de 2008 Jornal Diário do Congresso 35 / Outubro de 2008
Saúde em Dia<sup>®</sup> 2 / Abril de 2007 HematOncologia<sup>®</sup> 3 / Outubro de 2008
 

Artigo de Informação SIDA®

Nº 61 / Março de 2007






29 Dossiê 10 ANOS DE INFORMAÇÃO SIDA®
- Prof.ª Doutora Odette Ferreira
- Dr.ª Manuela Doroana
- Dr. José Vera


Prof.ª Doutora Odette FerreiraProf.ª Doutora Odette Ferreira
Investigadora da Faculdade de Farmácia de Lisboa

«Felicito o director desta revista pelos seus 10 anos de uma informação multidisciplinar, permitindo um permanente debate sobre uma problemática tão importante como a Infecção VIH/SIDA, através de uma multiplicidade de profissionais em quem se depositam as maiores esperanças na luta contra a SIDA e Infecções Associadas, mas simultaneamente uma discussão actualizada sobre os mais importantes avanços científicos apresentados e discutidos em congressos e simpósios internacionais. Esta realidade é de louvar, quando se verifica uma aceleração dos conhecimentos sobre a doença com novos utensílios de avaliação da vigilância virológica e a descoberta de novas moléculas usadas em associações terapêuticas.

A nossa sociedade está constantemente a confrontar-se com novos desafios, desde o envelhecimento da população ao aumento de doenças emergentes que exigem uma resposta reflexiva rápida e integrada, no contexto dos sistemas sociais, económicos e de saúde em constante adaptação.

Assim, é imperativo que os profissionais que trabalham nestas áreas possuam e apresentem os seus conhecimentos acerca da organização do sistema social e de saúde, das suas dinâmicas e da forma como se articulam e como desenvolvem os serviços que prestam à comunidade.

Na era da globalização e das comunicações em rede, importantíssimas, não deixa, no entanto, de ser de grande utilidade a informação escrita sobre as diferentes áreas da infecção VIH/SIDA, potenciando a prestação de serviços à comunidade, na promoção da saúde, contribuindo para a sua rentabilização e eficácia.

Quando a informação prestada é de qualidade consegue conquistar a adesão quer de quem a escreve, quer de quem a lê, atingindo resultados bastante significativos de cooperação e de leitura, para além de disponibilizar as mais recentes aquisições no conhecimento da doença.

Por isso, considero fundamental esta e outras oportunidades para trocar experiências e definir necessidades e, assim, a publicação de artigos sobre os diferentes aspectos de infecção VIH/SIDA, nos quais se revelam as qualidades dos nossos laboratórios de investigação e do trabalho desenvolvido pelos nossos investigadores, que traduzam a experiência de cada autor ou autores, são contributo relevante para definir, propor e desenvolver projectos que possam contribuir para que as pessoas infectadas tenham uma melhor qualidade de vida e mais tempo de vida e a
comunidade científica mais projecção e enriquecimento.

Pelo exposto, felicito igualmente todos os elementos da Direcção da revista pelo empenho na organização, a escolha dos temas apresentados ao longo destes 10 anos, sublinhando a diferenciação, qualidade e mérito de todos eles. Pela sua formação, constituem um excelente grupo para a escolha criteriosa dos temas mais emblemáticos e/ou interessantes a debater na revista, para além do seu aspecto gráfico.»


Dr.ª Manuela DoroanaDr.ª Manuela Doroana
Serviço de Doenças Infecciosas do Hospital de Santa Maria

«Penso que a revista Informação SIDA® é importante em termos da infecção do VIH porque são poucas as publicações que têm tido interesse nesse sentido. Gostava de ver, nas futuras edições, uma mensagem mais diversificada e independente.»





Dr. José VeraDr. José Vera
Presidente do Núcleo de Estudos VIH/SIDA da SPMI

«A Informação SIDA® tem sido uma companhia agradável ao longo da sua existência. Tem sido um ponto de encontro de todos quantos, nas diversas vertentes, estão comprometidos com o tratamento da infecção VIH, divulgando o trabalho, as ideias, as pessoas e as instituições. Constitui, ao mesmo tempo, mais uma ponte entre estes profissionais e os doentes infectados pelo VIH. Desejo outros 10 anos de trabalho.»
ver comentários (0)

Deixe o seu comentário sobre este artigo